APAMVET

Ensino: o desalinhamento inevitável

Paula Tavolaro

Na formação acadêmica de veterinários não há nenhuma preparação para lidar com os aspectos emocionais da profissão. Essa preparação é bastante importante, uma vez que, ao se enfrentar opiniões e atitudes diferentes das nossas, tendemos a nos defender e, com isso, reduzir ou fechar as possíveis janelas de oportunidade para a comunicação efetiva, o que leva a efeitos consideráveis na vida do profissional, do seu cliente e do seu animal.

Abrir Artigo

Palavras-chave: Ambiguidade. Complexidade, Comunicação eficiente, Formação de veterinários, Relação homem-animal
Boletim APAMVET, v.11, n. 3 (2020)
Comentários
Nenhum comentário encontrado!